Remédios caseiros rápidos e naturais para tratar a dor causada pela gota

Você sabia que a gota é uma forma de artrite? Sim, é a forma mais grave e complexa de artrite que resulta da formação de ácido úrico em excesso no sangue. É o problema mais comum que prevalece entre qualquer pessoa acima de 30 anos e que afeta principalmente os homens. As articulações e o dedão do pé são os mais afetados, pois o corpo deposita ácido úrico nessas áreas. Então, se você está sofrendo de gota, é hora de verificar este artigo para saber como os remédios caseiros para a gota o ajudam!

Remédios caseiros para gota

O que causa a gota:

A principal razão pela qual a gota ocorre é pela produção de ácido úrico em excesso, fazendo com que seu rim não desmaie. Isso resulta na cristalização de ácido úrico nas articulações, causando inflamação. Outros fatores também contribuem para os riscos de ser afetado pela gota. ( 1 )



  • Hereditário.
  • Consumo de frutos do mar, carnes vermelhas que são ricas em ácido úrico.
  • Diabetes.
  • Hipertensão.
  • Problemas renais crônicos.
  • Obesidade.
  • Consumo de álcool em excesso.

Sintomas de gota:

A dor insuportável é um dos principais sintomas da gota, que faz você se sentir como se suas juntas estivessem em chamas. Alguns dos outros sintomas incluem:

  • As articulações ficam sensíveis.
  • Inchaço
  • Pele brilhante que causa dor ao tocá-la.
  • As articulações afetadas ficam quentes e espinhosas.

Prevenção da gota:

Fazer mudanças em sua dieta pode fazer muita diferença junto com a medicação. Isso pode ser alcançado reduzindo a quantidade de ácido úrico que você ingere. ( 2 )

  • Mantenha um IMC saudável.
  • Evite alimentos ricos em açúcar, gordura e álcool.
  • Comece a malhar para reduzir o peso.
  • Evite o consumo excessivo de carnes vermelhas, frutos do mar que são abundantes em ácido úrico.
  • Beber muita água.
  • Incorpore frutas e vegetais frescos em sua dieta.

Remédios caseiros simples e rápidos para a gota:

Embora não existam remédios que afetem diretamente a gota, eles ajudam a manter um peso saudável e reduzem outros, reduzindo assim as chances de superprodução de ácido úrico.

Ver mais:Remédios naturais para acidez

1. Vinagre de maçã:

Uma das maneiras naturais de ajudar a reduzir a dor causada pela gota é o vinagre de maçã. Os níveis de ácido no ACV ajudam a diminuir a dor e ele também tem propriedades antiinflamatórias, o que ajuda na causa da gota. Você pode adicionar mel ao ACV para obter maiores benefícios e também dar sabor.

Como preparar:

  • Pegue um copo de água e adicione uma colher de sopa de ACV.
  • Adicione a quantidade necessária de mel à água de acordo com seu gosto.
  • Misture bem até que o conteúdo esteja bem misturado.

Precauções e dicas:

  • É melhor começar a tomar ACV em pequenas doses e depois aumentar gradualmente quando se habituar ao sabor.

Efeitos colaterais:

  • Se o ACV for tomado em excesso, pode causar náuseas.

2. Bicarbonato de sódio:

O bicarbonato de sódio é um produto disponível em casa que ajuda a reduzir o ácido úrico em seu corpo, afetando diretamente a gota e a dor que vem com ela. ( 3 )

Como preparar:

  • Pegue um copo d'água e adicione ½ colher de bicarbonato de sódio.
  • Misture bem até que o bicarbonato de sódio esteja na água.

Precauções e dicas:

  • O bicarbonato de sódio se transforma em dióxido de carbono quando consumido internamente, resultando em inchaço do estômago. Portanto, tome cuidado com a dose.

Efeitos colaterais:

  • A ingestão de bicarbonato de sódio em grandes quantidades pode causar efeitos colaterais como vômitos, desidratação, diarréia.

3. Suco de cereja com tarte:

Outro remédio para reduzir os surtos causados ​​pela gota é o suco de cereja. Pode reduzir o ácido úrico em nosso corpo, junto com muitos antioxidantes que ajudam a reduzir os ataques de gota. As antocianinas também reduzem em grande parte a inflamação. ( 4 )

Como preparar:

  • Escolha de 10 a 20 cerejas frescas e retire as sementes.
  • Misture-os completamente.
  • Você pode adicionar açúcar, se quiser. Mas para ter o efeito total da acidez, fique longe do açúcar.

Precauções e dicas:

  • É melhor preparar um copo de suco fresco em vez de suco enlatado que é carregado com açúcar e pode agravar a gota.

Efeitos colaterais:

  • Consumir suco de cereja em grandes quantidades pode resultar em diarréia e indigestão.

Ver mais:Remédios caseiros para dor nas costas

4. Tenha muitos fluidos:

Beber muito líquido é outra maneira de reduzir rapidamente a dor causada pela gota. Tomar de 8 a 10 copos de água com líquidos saudáveis ​​ajudará a eliminar as toxinas prejudiciais do corpo, melhorando o fluxo sanguíneo para a área afetada pela gota. Também ajudará com a inflamação e o inchaço, sendo um remédio caseiro perfeito para a gota. ( 5 )

Precauções e dicas:

  • Você pode beber chás claros, junto com água, que ajuda a desintoxicar seu corpo.

5. Consumo de vitamina C:

A vitamina C desempenha um papel essencial na moderação dos níveis de ácido úrico em seu corpo. Laranjas, limão, kiwi são algumas fontes de vitamina C. O suco de limão pode ser uma maneira rápida de neutralizar o ácido úrico no sangue em uma solução totalmente natural e prontamente disponível no tratamento da gota. Ao neutralizar o ácido úrico, o suco de limão alivia as causas da gota de dor e também fortalece os tecidos com vitamina C. ( 6 )

Como preparar:

  • Pegue um copo de água e acrescente o suco de limão espremido na hora.
  • Adicionar mel pode ser opcional, dependendo do seu gosto.
  • Beba este suco três vezes ao dia para que ele funcione bem.

Precauções e dicas:

  • Consumir água morna com suco de limão pode tornar sua manhã estimulante e ajudar a eliminar os depósitos de ácido úrico.

Efeitos colaterais:

  • O ácido cítrico do limão pode corroer o esmalte dos dentes. Portanto, é melhor enxaguar a boca depois de beber o suco de limão.

Ver mais:Remédios caseiros para intoxicação alimentar

6. Sementes de aipo:

A luteolina é um dos compostos presentes nas sementes de aipo que podem ajudar a reduzir o ácido úrico no sangue, que é a principal causa da gota. Ele também atua como um remédio caseiro natural que reduz a inflamação, reduzindo assim a gravidade dos ataques de gota, eliminando o ácido úrico das articulações. ( 7 )

Como preparar:

  • Você pode adicionar sementes de aipo em caldos, sopas, acompanhamentos e, às vezes, no chá quente.
  • Precauções e dicas: É perfeitamente seguro usar sementes de aipo.

Efeitos colaterais:

  • Não há efeitos colaterais específicos no consumo de sementes de aipo, mas pode ter consequências graves se você for alérgico a ele.

7. Gengibre:

Gingeróis e Shogaols são os dois agentes do gengibre com propriedades antiinflamatórias que ajudam a reduzir os cristais de ácido úrico no sangue. Ao diminuir a causa fundamental, você tem menos probabilidade de ter um surto de gota. ( 8 )

Como preparar:

  • Ferva uma xícara de água e adicione a raiz de gengibre ralada e deixe em infusão por alguns minutos.
  • Coe o gengibre e despeje água em uma xícara.
  • Adicione mel para dar gosto.

Precauções e dicas:

  • O gengibre também pode ser aplicado na área afetada pela gota, fazendo uma pasta com a raiz do gengibre ralado.

Efeitos colaterais:

  • O gengibre pode causar alguns efeitos colaterais, como diarréia e azia, se ingerido em grandes quantidades.

8. Magnésio na dieta:

Ter uma deficiência de magnésio pode agravar os problemas inflamatórios crônicos em nosso corpo. Portanto, o consumo de magnésio na dieta ajuda a diminuir os níveis de ácido úrico, aumentando assim o risco de novos surtos de gota. Você pode encontrar magnésio em alimentos como vegetais de folhas verdes, nozes, leguminosas e grãos inteiros. Você pode preparar uma salada com espinafre ou couve. ( 9 )

Precauções e dicas:

  • É sempre útil seguir um plano de dieta saudável e ingerir magnésio de forma natural, como frutas e vegetais.

Efeitos colaterais:

  • Consumir magnésio em excesso pode causar problemas renais, retenção de urina, náuseas e vômitos.

9. Reduza a ingestão de açúcar:

A quebra da frutose resulta na liberação de purinas, que, quando quebradas, causam excesso de ácido úrico no sangue, resultando em cristalização nas articulações, causando um surto de gota. A geração de ácido úrico acontece quase imediatamente com a frutose. Portanto, se você quiser que a gota ainda cause dor, tente reduzir a ingestão de açúcar. ( 10 )

Precauções e dicas:

  • É melhor observar o que você come em termos de açúcar, pois comer em excesso pode não só reviver a dor causada pela gota, mas também aumentar o peso.

10. Hibiscus:

As propriedades antiinflamatórias do Hibiscus permitem que seu corpo reduza os níveis de ácido úrico no sangue, ajudando assim as pessoas a superar a dor da gota. Também ajuda pacientes diabéticos e pré-diabéticos ao melhorar os triglicerídeos e o colesterol. ( onze )

Como preparar:

  • Adicione uma pequena xícara de flores de hibisco a quatro xícaras de água e deixe ferver por alguns minutos.
  • Em seguida, desligue o fogão e coloque uma tampa e deixe as flores em infusão por alguns minutos.
  • Escorra as flores e você obterá suco de hibisco.
  • Você pode adicioná-lo à limonada ou margarita.

Efeitos colaterais:

  • Não há efeitos colaterais dignos de nota no consumo de hibiscos, mas algumas pessoas podem ser afetadas com dores de estômago, gases, prisão de ventre e dor de cabeça.

11. Café:

Pode ser uma surpresa para muitos quando dizemos que o café pode reduzir a dor causada pela gota. Alguns estudos mostram que o café é responsável pelo aumento da excreção de ácido úrico do corpo, o que ajuda a reduzir a formação de cristais de ácido úrico nas articulações e tendões, que causam dores intensas. ( 12 )

Como preparar:

  • Selecione a marca de café que deseja beber; você pode comprar grãos e moê-los sozinho ou café instantâneo, pois os pós estão disponíveis no mercado.
  • Você pode optar por aquele dependendo do seu gosto.

Efeitos colaterais:

  • O consumo de café é seguro quando tomado com moderação, cerca de 3 a 4 xícaras por dia. Se ingerida em excesso, a cafeína pode causar nervosismo, insônia, dores de estômago.

12. Dieta:

Não podemos mudar muitos motivos que causam a gota, como genes, raça, etc., mas a gota é uma doença metabólica, sendo obeso pode causar crises de gota, juntamente com muitos outros problemas de saúde. Mas seguir um regime de dieta pobre em purinas projetado para pessoas que sofrem de gota pode ser muito útil. Tente incluir proteínas vegetais, batatas, vegetais, frutas e nozes em abundância e evite carne vermelha, carnes orgânicas como fígado e rim, frutos do mar como camarão, anchova, mexilhão e sardinha. ( 13 )

13. Chá de urtiga:

Um remédio à base de ervas que ajuda a reduzir a dor e a inflamação causadas pela gota são as folhas de urtiga. Beber chá de ervas preparado com urtiga é uma excelente solução para reduzir o ácido úrico do corpo, reduzindo assim a dor por ele causada. ( 14 )

Como preparar:

  • Ferva um copo de água e adicione uma ou duas colheres de chá de folhas secas de urtiga.
  • Deixe em infusão por alguns minutos.
  • Coe as folhas e beba sua xícara de chá de urtiga.

Efeitos colaterais:

  • Beber de 3 a 4 xícaras por dia é seguro, mas os efeitos colaterais ocasionais incluem dor de estômago leve, sudorese, diarréia e retenção de líquidos.

14. Evite álcool:

Pesquisas mostram que o álcool, principalmente a cerveja, contém purinas em quantidades muito altas que resultam na formação de ácido úrico no corpo. Os processos renais são afetados por todos os tipos de álcool, como vinho, cerveja e destilados, que resultam na eliminação do ácido úrico do corpo. É melhor evitar todos os tipos de bebidas com teor alcoólico que podem resultar em crises ou recorrência frequente da gota. ( quinze )

15. Reduza os alimentos ricos em purinas:

A quebra da purina resulta na formação de ácido úrico em excesso, o que resulta na cristalização nas articulações e tendões, causando um ataque de gota severo. Ao evitar alimentos ricos em purinas, você pode prevenir a inflamação e a dor causadas pela gota. Alguns dos alimentos que você precisa evitar estão listados abaixo.

  • Fígado, rins, pães doces e cérebro que incluem todas as carnes de órgãos.
  • Carnes de caça, como faisão, veado e vitela.
  • Mariscos como lagosta, camarão, mexilhão, anchova e sardinha.
  • Carne vermelha que inclui cordeiro e porco.

Qual é a hora certa para consultar um médico:

Além da dor causada pela gota, às vezes pode resultar em febre baixa. Também pode ser um sinal de infecção se a temperatura não baixar em 48 horas. Com alguns remédios caseiros, você começará a se sentir melhor, mas se não, consulte seu médico imediatamente para uma mudança de tratamento.

Os remédios caseiros para a gota oferecem alívio imediato da dor intensa causada por uma artrite complexa chamada gota. Embora eles possam não curar completamente a doença, ajudam a reduzir a dor e a prevenir sua recorrência. Siga essas dicas, junto com o conselho médico, para superar essa dolorosa doença. Agora que você tem todos os detalhes relacionados à gota, pode escolher um remédio caseiro e obter alívio imediato.

Aviso Legal:Embora esses remédios caseiros ajudem a aliviar a dor causada pela gota, eles não substituem o conselho de um médico. Assim que começar a apresentar sintomas que indiquem um surto de gota, é aconselhável consultar um médico e não depender apenas de remédios caseiros.

PERGUNTAS FREQUENTES:

1. A gota é hereditária?

Se você tem dúvidas se a gota pode ser transmitida de uma geração para outra, a resposta é sim! Os netos podem sofrer de gota se os avós tiverem, mesmo que os pais não tenham gota que os torna portadores. Não é necessário que todos na família sejam afetados, mas as chances são altas.

2. Quanto tempo dura um ataque de gota?

A intensidade da dor de um ataque de gota depende da quantidade de depósitos de ácido úrico em seu corpo e geralmente dura cerca de 7 a 10 dias. Seguindo alguns remédios caseiros rápidos e fáceis, você pode diminuir a dor e se recuperar rapidamente.

3. Por que a gota afeta principalmente a área dos pés?

Embora os depósitos de cristal de ácido úrico possam ocorrer em qualquer articulação e em qualquer parte do corpo, o pé é o mais afetado. Isso ocorre porque os cristais de ácido úrico se acumulam mais nos pés do que na parte mais baixa do corpo, tornando difícil andar e fazer muitas coisas.